Jogadores do Ceará fazem protesto contra vazamentos de óleo que atingem o Nordeste

A ação foi realizada nesta segunda-feira (21), na partida contra o Bahia, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro

Legenda: Bergson (e), Pedro Ken (c) e Lima (d) em protesto do Ceará
Foto: Foto: Israel Simonton/Cearasc.com

As manifestações em protesto aos vazamentos de óleo que atingem o Nordeste chegaram aos clubes de futebol. Na noite desta segunda-feira (21), foi a vez do Ceará se manifestar.

Na partida contra o Bahia, disputada em Pituaçu, os jogadores titulares e reservas do Alvinegro entraram em campo com luvas pretas na mão direita em referência ao episódio recente de vazamento de óleo. 

Na execução do hino, a mão direita ficou sobre o escudo com punho cerrado como forma de protesto ao maior desastre ambiental do litoral nordestino.

O clube também publicou nota nas redes sociais.

"O Nordeste está ainda mais unido contra o descaso que invade nossas praias. Manchamos nossas mãos, lamentamos pela vida marinha e pela beleza da nossa costa, vimos o avanço com tristeza, mas não medimos esforços para salvar a natureza da nossa Região. Essa é uma luta de todos", dizia a publicação.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte


Redação 01 de Dezembro de 2020