Guto Ferreira avalia momento e fala sobre pênalti contra o Ceará: "desequilibrou a equipe"

O técnico lamentou a derrota de virada para o Bahia nesta quinta-feira (17)

Técnico Guto Ferreira com semblante triste
Legenda: Guto Ferreira enfrenta, no momento, maior turbulência desde que chegou ao Ceará
Foto: Thiago Gadelha / SVM

O Ceará perdeu de virada para o Bahia nesta quinta-feira (17), na Arena Castelão, pela 4ª rodada da Série A. O Vovô abriu o placar, mas sofreu dois gols em sequência no 1º tempo. Na análise do técnico Guto Ferreira, a equipe sentiu muito a marcação de um pênalti a favor do adversário após checagem do árbitro de vídeo (VAR).

"Eu acho que tem um pouco do psicológico sim. A gente quer muito vencer, saímos na frente, mas acabamos tomando um pênalti na bola parada, um pênalti que cada um interpreta de uma maneira, e isso desequilibrou a equipe, tanto é que o gol foi logo em seguida. Depois a equipe retomou, cresceu, criou e fez um gol que não valeu porque o juiz deu um pênalti e voltou atrás. Talvez um empate naquele momento, a equipe teria força para ir buscar novamente", comentou.

Guto Ferreira com semblante triste após derrota do Ceará
Legenda: O técnico Guto Ferreira tenta retomar o bom futebol do Ceará na temporada
Foto: Thiago Gadelha / SVM

Com o revés, o time alvinegro acumula agora cinco partidas sem vitória na temporada de 2021. Sob pressão, o técnico Guto Ferreira ressaltou que faz parte do futebol e que todos no clube estão acostumados com momentos de maior cobrança da torcida.

"Futebol é pressão o tempo todo. Quando tem vitória, tem tranquilidade. Quando não tem, fica com a pressão. Todos ali estão acostumados a trabalhar dentro dessa pressão. É tentar manter a serenidade o máximo possível porque esse tipo de pressão não nos ajuda na tomada de decisão. Precisa de equilíbrio, é isso que vai ajudar. O importante é que a equipe está criando e não tem erros. O mais importante é essa unidade de grupo, na hora que vir a primeira vitória, a equipe vai alavancar", explicou.

Na Série A do Brasileiro, a equipe soma uma vitória (Grêmio), um empate (Chapecoense) e duas derrotas (Bahia e Santos). O próximo compromisso é domingo (20) contra o Internacional, às 16h, no Beira-Rio, pela 5ª rodada.

Veja a coletiva do técnico Guto Ferreira:

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte