Ferroviário goleia Pacajus e mantém invencibilidade no Campeonato Cearense

Com 12 pontos, o Ferroviário soma três vitórias e três empates em seis partidas

Legenda: Cariús abriu o placar para o Ferroviário contra o Pacajus nesta segunda-feira (24) pela 6ª rodada do Campeonato Cearense
Foto: Lenilson Santos / Ferroviário AC

O Ferroviário venceu o Pacajus por 4 a 1, nesta segunda-feira (24), no Estádio João Ronaldo, em Pacajus, pela 6ª rodada do Campeonato Cearense. Edson CariúsRoniEdson (contra) e André Baumer marcaram para o time coral, enquanto Canga descontou para o Índio.

Com o resultado, o Tubarão da Barra permanece na vice-liderança do certame estadual. Com 12 pontos, o Ferroviário soma três vitórias e três empates em seis partidas.

A equipe de Anderson Batatais volta a campo na quinta-feira (27), às 15h30 (horário de Brasília), contra o Crato, no Estádio Elzir Cabral.

O jogo

Atuando no Estádio João Ronaldo, em Pacajus, o Ferroviário encontrou dificuldade para infiltrar na defesa adversária. Em contrapartida, o Índio agredia o Tubarão da Barra com facilidade, sempre aproveitando os erros da equipe de Anderson Batatais.

Logo aos 8 minutos do 1° tempo, Max acertou o ângulo de Jonathan em cobrança de falta, mas o arqueiro conseguiu defender. A bola ainda resvalou na trave antes de sair pela linha de fundo.

Em nova chegada do Pacajus, desta vez aos 20 minutos, Edson cabecou na trave do arqueiro coral.

Com a partida se encaminhando para o final, Edson aproveitou o rebote do goleiro Jonathan, em cobrança de falta de Testinha, e marcou para o Pajucas. A arbitragem, porém, sinalizou impedimento.

Nos acréscimos da etapa inicial, Edson Cariús abriu o placar para o Ferroviário, após cruzamento de Mauri na área. O centrovante adiantou a defesa e cabeceou para o gol.

No retorno para o 2° tempo, o lateral Roni marcou um golaço e ampliou o marcador para o Tubarão. O camisa 2 tentou o cruzamento, mas a bola tomou a direção do gol e surpreendeu o goleiro Cris, que não conseguiu impedir.

Com a vitória encaminhada, o Ferroviário administrava o resultado. Aos 21 minutos, a vantagem foi ampliada. Após cobrança de escanteio na área, Edson cabeceou contra o próprio gol.

Minutos depois de marcar o terceiro, o Ferroviário chegou ao 4° gol com André Baumer, após cobrança de falta na área.

Antes do apito final, o Pacajus descontou com Canga, em cobrança de pênalti.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte