Felipe Alves diz que jogou gramado por 'raiva' e não para atrapalhar Richard

Goleiro do Fortaleza se defende de acusações de 'jogo sujo' contra arqueiro do Ceará

Felipe Alves arrancando a grama da Arena Castelão
Legenda: Felipe Alves levanta gramado da Arena Castelão
Foto: Reprodução Sportv

O goleiro do Fortaleza Esporte Clube, Felipe Alves, se pronunciou através da assessoria de comunicação do clube, sobre o episódio de ter levantado e jogado parte do gramado da Arena Castelão após o fim do primeiro tempo do Clássico-Rei, que terminou em 1 a 1.

Segundo o arqueiro, a situação se deu em virtude do descontentamento com o gramado da Arena Castelão, que, segundo ele, o atrapalhou em diversas ocasiões durante a partida.

"Segundo ele, aquela parte o atrapalhou em vários momentos, como no gol e quando ia sair jogando. ele já estava ciente do replantio e, durante o aquecimento, percebeu que a bola poderia mudar o percurso e ficou receoso", disse a assessoria tricolor em nota.

Legenda: Reparo em gramado da Arena Castelão no Clássico-Rei
Foto: divulgação

Críticas de Guto Ferreira

O técnico Guto Ferreira, do Ceará, criticou Felipe Alves, dizendo que o atleta "vacilou" no episódio e pediu "respeito" em situação que, segundo o comandante alvinegro, o atleta tricolor teria agido para prejudicar Richard no segundo tempo.

Sobre uma suposta tentativa de atrapalhar o arqueiro rival, Felipe Alves também se defende. "A atitude foi feita apenas por questão de raiva, e não para atrapalhar o Richard ou prejudicar a equipe adversária. nas fotos que circulam, é visível o quadrado perfeito, o que comprova a não fixação da grama", disse.

Ceará e Fortaleza voltam a se enfrentar dia 10 de junho, uma quinta-feira, às 19h. Não há vantagem para nenhuma equipe. Um novo empate leva a decisão da vaga da Copa do Brasil para os pênaltis. Quem vencer, leva a classificação e R$ 2,7 milhões.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte