Federação Cearense de Futebol tenta mudar data de Ceará X Flamengo por conta de festa

O jogo está marcado para o próximo dia 24, na Arena Castelão, mesma data que o estacionamento do estádio recebe o festival Forró das Antigas

Legenda: Com a decisão da Sejuv, a orientação é que o torcedor não se dirija ao Castelão.
Foto: Foto: Divulgação

Marcado para o próximo dia 24, o duelo entre Ceará e Flamengo, na Arena Castelão, válido pela 16ª rodada da Série A do Brasileirão, deve sofrer alteração na data. Presidente da Federação Cearense de Futebol (FCF), Mauro Carmélio, informou, em conversa com a reportagem, que tenta alterar a partida para o domingo (25) devido ao festival Forró das Antigas, que acontece no mesmo dia no estacionamento do Castelão.

"A CBF disse que está esperando uma decisão porque tem o jogo do Flamengo que joga pela Libertadores. Tem que ter 66 horas entre um jogo e outro, locomoção", comentou o dirigente da FCF em relação ao acordo feito entre a CBF e a Federação de Atletas em 2017. O time carioca tem jogo marcado para o dia 28, pela partida de volta das quartas de final da Libertadores, contra o Internacional/RS.

No mesmo dia 24, no estacionamento da Arena Castelão, estará sendo realizado, a partir das 20h, o "Forró das Antigas", festival de música com 10 bandas que fizeram sucesso no passado - Limão com Mel, Eliane, Mastruz com Leite, Noda de Caju, Magníficos, Beto Bardosa, Forró Real, Mel com Terra, Lagosta Bronzeada e Sirano e Sirino.

A diferença entre o fim do jogo entre cearenses e cariocas, que começa às 16h e termina próximo das 18h, e o início do festival, marcado para iniciar às 20h, é de apenas duas horas. Com um grande público aguardado para os dois eventos, o presidente se mostrou ansioso para resolver a situação e evitar quaisquer problemas nas saídas de torcedores e chegadas dos forrozeiros. No duelo entre as duas equipes na Série A do ano passado, o Castelão recebeu um total de 52.192 espectadores. Sendo, na época, o maior público do ano.

"Nós estamos tentando passar o jogo para domingo (25). Estamos preocupados com essa situação", finalizou Mauro Carmélio.