Faganello lamenta vitória do Ceará ter escapado no fim

Auxiliar de Guto Ferreira, ele comandou a equipe contra o Flu e lamentou as chances desperdiçadas até sofrer o gol do empate

Legenda: O auxiliar técnico do Vovô, Alexandre Faganello, lamentou o empate do Ceará com o Fluminense
Foto: Reprodução/TV Vozão

O Ceará tinha tudo para sair do Maracanã com uma vitória de virada sobre o Fluminense pelo futebol que apresentava, mas um descuido no fim da partida, ao sofrer um gol aos 45 do 2º tempo, transformou os 3 pontos na tabela em apenas um. Alexandre Faganello, que comandou o Vovô hoje, substituindo Guto Ferreira, que cumpria suspensão, afirmou após o resultado que a sensação é a pior possível, de derrota.

"A sensação é a pior possível. O jogo estava controlado, com possibilidade de ampliar o marcador. Mas no final a gente acaba tomando o empate. É uma sensação de derrota, que a gente não gosta de passar. O jogo passado contra o Corinthians nós fizemos no final. Hoje, mesmo com o empate, fazendo uma boa partida, a sensação é frustrante, porque nós sabíamos que tínhamos a possibilidade de sair com a vitória. Mas no futebol não existe merecimento, existe competência. E quando você não mata o jogo, a gente acaba pagando por isso", avaliou Faganello.

Após o compromisso pela Série A, o Vovô volta suas atenções para o Campeonato Cearense. Na quarta-feira, às 21h30 no Castelão, o Vozão faz o 2ºjogo da final diante do Fortaleza e precisará vencer por dois gols de diferença para ser campeão. Faganello afirmou que será preciso levantar a cabeça e buscar reverter a situação.

"Agora é levantar a cabeça. Temos que trabalhar porque quarta-feira temos uma final e temos que reverter essa situação para levantar o troféu de campeão", completou ele.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte