Enderson Moreira pede apoio da torcida diante do Botafogo e diz: "É para eles que nos dedicamos"

Vovô recebe a equipe carioca no sábado (14), às 21h, na Arena Castelão, pela 19ª e última rodada do primeiro turno da Série A do Brasileirão

Legenda: Treinador está no comando da equipe alvinegra desde abril deste ano.
Foto: Foto: Natinho Rodrigues / SVM

Técnico do Ceará, Enderson Moreira aproveitou a coletiva da tarde desta sexta-feira (14), realizada na sede do clube, para pedir apoio de sua torcida diante do Botafogo, no sábado (14). O confronto entre alvinegros será realizado na Arena Castelão, às 16h, pela 19ª rodada da Série A do Brasileirão. O comandante afirmou que o elenco faz todo o esforço possível para que a torcida esteja sempre feliz.

"É para eles que nos dedicamos e queremos muito o seu apoio", pediu o treinador alvinegro.

Ainda lembrando o empate com gosto de vitória sobre o Corinthians na última rodada, Enderson elogiou a forma que seu grupo foi em busca do resultado para sair de São Paulo com um ponto na mala.

"Gosto da equipe do Ceará. Os jogadores têm feito coisas muito especiais. Não é fácil enfrentar o Corinthians como enfrentamos. Fomos coroados pelo gol do Leandro Carvalho. Mas se você for perceber, merecíamos um resultado diferente já antes desse lance. E quase viramos. A vitória do Ceará seria justa também", analisou.

Faltando apenas uma partida para encerrar o primeiro turno da competição, o treinador afirma que os últimos jogos têm sido difíceis para o Vovô, que pegou uma sequência de jogos contra São Paulo, Flamengo, Athletico-PR e Corinthians e Botafogo para encerrar a primeira parte da competição.

"Tivemos um final de primeiro turno muito difícil. Na verdade, o campeonato todo é muito difícil. Não tem nenhum adversário que você possa cravar que vai conquistar pontos. Temos um adversário difícil pela frente. É uma equipe letal quando ataca e com jogadores de altíssimo nível. Torcedor precisa entender que será um jogo decidido no detalhe", disse.

Perguntado sobre a possível titularidade de Leandro Carvalho, autor de um golaço olímpico que garantiu o empate ao Vovô diante do Corinthians, o treinador foi enfático ao afirmar que depende do jogador.

"A titularidade do Leandro depende mais dele do que de qualquer outra coisa. Quando ele está focado corresponde muito bem. Ele é um jogador extremamente capaz, mas emocionalmente ele é bastante influenciado. Ele somatiza muito qualquer tipo de problema. Qualquer coisa com o filho, mãe, pai e família. Ele traz muito isso e isso o prejudica no trabalho. Ele tem crescido em termos físicos e a titularidade dele vai disso, da entrega nos treinos. Mas é um jogador que a gente acredita e confia", finalizou.

No sábado (14), o Ceará enfrenta o Botafogo, às 21h, pela 19ª e última rodada do primeiro turno da Série A do Campeonato Brasileiro.

Você tem interesse em receber mais conteúdo de esporte?