Em jogo único, Fortaleza e Ceará decidem hoje o Campeonato Cearense

Diferentemente de 2020, quando o campeão foi definido em dois jogos, este ano a final será disputada apenas em partida única, com a vantagem do empate para o Fortaleza, por ter melhor campanha nas fases anteriores

Legenda: A final do Cearense entre Ceará e Fortaleza será o segundo duelo entre Guto e Vojvoda: no 1º. o argentino levou a melhor com a vitória tricolor por 2 a 0 pela 2ª Fase
Foto: Thiago Gadelha-SVM / Leonardo Moreira-Fortaleza

O Clássico-Rei é um duelo centenário, com incontáveis jogos inesquecíveis, com vitórias marcantes e festas incríveis na arquibancada de duas torcidas gigantes. Ao longo dos mais de cem anos de história, os dois clubes alternaram momentos de baixa, de alta, mas o Clássico sempre foi relevante, como um dos maiores do Nordeste.

Mas nos últimos anos, com o crescimento estrutural e técnico de Ceará e Fortaleza, conquistando títulos regionais, ascendendo à Série A do Brasileirão e se mantendo juntos pelo segundo ano consecutivo, o Clássico-Rei se agigantou. Hoje é o maior clássico do Nordeste, pelo equilíbrio nivelado por "cima".

Se levarmos em conta que hoje é o único clássico do Nordeste entre dois times de Série A do Brasileiro, a afirmação fica ainda mais evidente. Por isso, o duelo entre alvinegros e tricolores é cada vez mais nacional, chamando atenção além-fronteiras, pelo momento dos clubes.

E hoje será escrita mais uma história deste clássico apaixonante, pois será definido o campeão cearense de 2021. Às 17h no Castelão, Fortaleza e Ceará medem forças em busca da consagração, de mais um título para suas ricas galerias. O Vovô luta por sua 46ª taça, enquanto o Leão quer sua 44ª e o tricampeonato. A partida será transmitida pela Rádio Verdes Mares e em tempo real do Diário do Nordeste.

Árbitro FIFA, Rafael Traci apita o Clássico-Rei e Igor Junio Benevenuto de Oliveira será o responsável pelo VAR.

Ouça os podcasts de Fortaleza e Ceará

Como chegam

Diferente de 2020, quando o campeão foi definido em dois jogos - com o Leão vencendo os dois - este ano a final será disputada apenas em partida única, com a vantagem do empate para o Fortaleza, por ter melhor campanha nas fases anteriores do Estadual.

Legenda: O Leão joga pelo empate hoje na decisão do Cearense por ter feito a melhor campanha e vem embalado com Vojvoda
Foto: THIAGO GADELHA

O Fortaleza somou 17 pontos na 2ªFase, sendo o líder, e goleou o Atlético nas semifinais por 6 a 0. Já o Vovô, foi o 3º da 2ª Fase com 13 pontos e eliminou o Ferroviário nas semifinais com um categórico 3 a 0.

E os dois clubes chegam em alta para a decisão do Estadual. No Tricolor de Aço, a confiança é grande pelo início de trabalho do técnico Vojvoda, com 4 vitórias - uma sendo o Clássico-Rei por 2 a 0 e 3 goleadas de 6 (Crato, Icasa e Atletico), além das implementações táticas dele.

No Ceará, após oscilação com a perda da final da Copa do Nordeste e o Clássico-Rei da 2ª Fase, o Vovô se recuperou com louvor, atropelando o Ferroviário na semifinal com seu time reserva e claro, vencendo o Bolívar por 2 a 0 no Castelão, retomando a liderança do Grupo C da Sul-Americana. O resultado permite o Vovô depender apenas de sí na próxima quinta-feira contra o Jorge Wilstermann na última rodada em Cochabamba para avançar.

Legenda: O Ceará vem de grande vitória pela Copa Sul-Americana diante do Bolívar no Castelão e chega com moral para a decisão
Foto: THIAGO GADELHA

Formações

No Fortaleza, a formaçáo a ser escolhida por Pablo Vojvoda é um mistério. Afinal, em 4 jogos no comando do Leão, ele nao repetiu nenhuma formação e em certos casos, algumas foram surpreendente, como a diante do Atlético, com Tinga de zagueiro e Lucas Crispim de ala esquerda.

Para o zagueiro Titi, o Fortaleza não pode entrar em campo pensando no empate.

"É jogar procurando a vitória. Quando se veste uma camisa do tamanho do Fortaleza você pensa única e exclusivamente na vitória, em vencer o adversário independe de quem esteja do outro lado. Temos que fazer o nosso melhor e assim estaremos mais próximos de conquistar o título”.

No Ceará, o técnico Guto Ferreira não terá Mendoza, suspenso preventivamente pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva após tumulto na final da Copa do Nordeste diante do Bahia. Assim, dois jogadores são os mais cotados para assumir a vaga dele: Saulo Mineiro e Yony González. Saulo é o favorito por viver um momento melhor, autor de dois gols na semifinal diante do Ferroviário.

Para o zagueiro Messias, o foco é fundamental para buscar o título diante do maior rival, mesmo com um jogo decisivo pela Sul-Americana na quinta-feira.

“Estamos focados na decisão de domingo contra o Fortaleza. Precisamos nos manter focados, se focar ainda mais, se manter mobilizado para essa grande final e dar o nosso melhor para buscar o título”.

Ficha técnica

  • Local: Castelão, em Fortaleza (CE)
  • Horário: 17 horas
  • Árbitro: Rafael Traci (FIFA-SC)
  • VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (FIFA-MG)
  • Transmissão: Rádio Verdes Mares e tempo real do Diário do Nordeste

Fortaleza

Felipe Alves; Tinga, Marcelo Benevenuto, Titi e Carlinhos; Éderson e Jussa; Robson, Vargas e David; Wellington Paulista. Técnico: Juan Pablo Vojvoda

Ceará

Richard; Gabriel Dias, Messias, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Charles e Oliveira; Vina, Saulo Mineiro (Yoni González) e Lima; Felipe Vizeu (Jael).Técnico: Guto Ferreira

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte