Conmebol muda regulamento e retira 'gol qualificado' de competições continentais

A entidade busca oferecer maior "justiça desportiva" em eventos como Copa Sul-Americana e Libertadores

Taça de campeão da Libertadores exibida dentro do estádio do Allianz Parque
Legenda: A Taça Libertadores é o principal torneio continental de clubes da Conmebol
Foto: divulgação

A Conmebol anunciou, nesta quinta-feira (25), a retirada do "gol qualificado" nas competições continentais da entidade, como a Copa Sul-Americana e a Libertadores. A regra tinha como objetivo oferecer ao tento fora de casa um peso maior no momento do desempate. Vale ressaltar que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) já tinha mudado o regimento interno dos torneios.

"A Conmebol elimina o 'gol fora de casa'. A partir de agora, todos os gols dos torneios da Conmebol terão o mesmo valor, os muitos gols convertidos como visitante não serão mais considerados como fator de desempate. Com isso, visa-se uma maior justiça esportiva", anunciou Alejandro Dominguez, presidente da entidade.

Com a modificação, uma exigência de muitos clubes do continente, os jogos que terminarem com igualdade de pontos e no saldo de gols vão ser definidos nas cobranças de pênalti. A prorrogação já havia sido extinta das competições da Conmebol.

A modificação visa valorizar a busca pelas vitórias e não penalizar equipes mandantes por causa de um gol em seus domínios. A medida era avaliada desde 2018 na Conmebol para os duelos no sistema mata-mata e segue padrão já adotado pela Uefa.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte