Comerciantes que atuam no entorno da Arena Castelão serão regularizados

Projeta visa regulamentar e organizar a disposição dos ambulantes em dias de jogos no estádio

Legenda: Protocolo para jogos na Arena Castelão prevê limitação de até 225 pessoas dentro da arena e medidas de segurança
Foto: Foto: arquivo / SVM

As novas regras sobre o comércio de comidas e bebidas no entorno da Arena Castelão serão colocadas em prática a partir deste sábado (20), quando Ceará e Palmeiras se enfrentam pela Série A do Brasileiro. Membros do Ministério do Público do Estado (MPCE), junto de representantes da Regional VI, informaram nesta terça-feira (16) que a "nova" praça de alimentação vai funcionar em todos as partidas do equipamento. 

O comércio de comidas e bebidas será permitido para ambulantes cadastrados na Regional VI. O novo espaço será restrito e ficará a 200 metros do estádio. Serão 187 vendedores cadastrados pelo município, que se concentrarão na Rua do Contorno, a 100 metros do Castelão.

De acordo com a coordenadora de ordenamento de território da Regional VI, Juliana Fontenele, a iniciativa irá promover mais organização e controle das autoridades em dias de jogos. "Fizemos um levantamento durante um jogo do Ceará e do Fortaleza com os ambulantes de comidas e de comidas do entorno do estádio. Os ambulantes fizeram cadastro na Regional. Teremos a localização de cada ambulante para facilitar a fiscalização", afirmou.

Segundo levantamento do MPCE, em dias de Clássico-Rei, aproximadamente 300 ambulantes - 82 no lado do Ceará e 150 no Fortaleza - trabalham no equipamento. A ideia com o plano de ordenamento é que o perímetro da Avenida do Contorno seja fechado durante os dias de evento.

O não cumprimento das regras será passível de autuação pela Agência de Fiscalização de Fortaleza (AGEFIS). Os comerciantes serão identificados por meio de crachá e termo de permissão. Além disso, não será mais permitida a presença de nenhum ambulante nas avenidas Alberto Craveiro e Paulino Rocha.

Segundo Ricardo Barros, da AGEFIS, a fiscalização será focada em comerciantes irregulares e terá o apoio da Guarda Municipal, do Batalhão de Polícia Ambiental e do Raio.
"Faremos uma fiscalização em cima de possíveis ambulantes não cadastrados, fazendo apreensão da mercadoria. Só poderá ficar no entorno quem estiver credenciado", explicou.

As próximas três partidas do Brasileirão na Arena Castelão serão tratadas como testes: Ceará x Palmeiras, em 20 de julho; Fortaleza x Corinthians, em 28 de julho; e Ceará x Fortaleza, em 3 de agosto. Na etapa inicial, a AGEFIS fiscalizará de forma preventiva para evitar a atuação dos ambulantes não cadastrados.