Com time misto, Fortaleza perde de virada para o Flamengo por 2 a 1 no Castelão

Leão do Pici garantia o triunfo até os 35 minutos finais, quando o VAR foi acionado para marcar pênalti a favor do visitante. Aos 43, Reinier virou para o Mengo

Legenda: Gabigol marcou de pênalti para o Flamengo, chegando ao 19º gol no Campeonato
Foto: Foto: Thiago Gadelha

O Fortaleza perdeu de virada 2 a 1 para o Flamengo nesta quarta-feira (16). No total, 50,101 torcedores compareceram na Arena Castelão. Com vários reservas, o time cearense abriu o placar de pênalti com Bruno Melo na segunda etapa. Aos 35, Quintero tocou com a mão na bola e o VAR marcou penalidade para a equipe visitante. Nos minutos finais, Reinier virou para o Mengo. O Leão do Pici continua na 15ª posição na tabela, com 26 pontos.

O jogo

Em primeiro tempo bastante disputado, Fortaleza e Flamengo deixaram o campo empatados sem gols. Com maior posse de bola, a equipe visitante teve a chance mais clara de gol ao fim da primeira etapa com Reinier. A jovem revelação flamenguista recebeu dentro da área e bateu para o gol aos 46 minutos. Zagueiro tricolor, Paulão se jogou no lance para salvar a meta de Felipe Alves.

Legenda: Felipe Pires deu trabalho à marcação rubro-negra
Foto: Foto: Thiago Gadelha

Jogando com uma equipe alternativa, o Leão apostou no contra-ataque para usar a velocidade de Felipe Pires pela esquerda. O Tricolor do Pici teve duas grandes oportunidades de abrir o placar. A primeira, ainda com o relógio marcando 9 minutos, em uma cobrança de falta de Nenê Bonilha. O volante cobrou com categoria e obrigou Diego Alves se esticar para fazer grande defesa. Aos 38, Tinga cruzou na área e Bruno Melo escorou de cabeça para André Luís, mas o atacante leonino escorregou e perdeu a chance de balançar as redes. Antes do intervalo, o camisa 97 foi substituído por Edinho.

Na segunda etapa, o Leão voltou com o mesmo ímpeto. Comandando pelo auxiliar Charles Hembert, o time cearense se postou em um 4-4-2 consistente contra um 4-2-3-1 menos intenso do que o visto no Flamengo nos últimos jogos.

Aos 15 minutos, Marí interceptou cruzamento de Tinga com a mão. Pênalti para o time mandante, Bruno Melo na bola. O lateral esquerdo bateu alto, sem chances para Diego Alves, aumentando a festa da torcida tricolor.

Legenda: Bruno Melo abriu o placar de pênalti, aos 15 minutos do 2º tempo
Foto: Foto: Thiago Gadelha

Faltando 10 minutos para o fim, o VAR foi acionado. Em disputa aérea de Rodrigo Caio com Quintero, foi marcado toque de mão do zagueiro tricolor. Na cobrança do pênalti, o artilheiro do Brasileirão, Gabigol, na bola. Felipe Alves quase pegou, mas a bola passou por baixo para morrer no fundo das redes. Empate no Castelão para vibrar a torcida rubro-negra.

O Flamengo aproveitou o bom momento e se lançou ao ataque. Em lance polêmico, uma segunda bola foi jogada na área durante ação do Mengo. Renê cruzou pela esquerda e Reinier pegou a sobra para virar o placar nos minutos finais. Festa para os mais de 14 mil torcedores flamenguistas no estádio.

O próximo adversário do Tricolor cearense é o Grêmio, neste sábado (19), às 19h, também no Castelão.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte