Ceará terá desfalques em todos os setores para enfrentar o Vasco

Técnico Guto Ferreira não poderá contar com jogadores que são peças importantes na defesa, meio-campo e ataque. Partida é importantíssima para manter distância para a zona de rebaixamento

Legenda: Guto Ferreira terá trabalho para definir equipe que enfrenta o Vasco
Foto: Camila Lima

Na caminhada dos pontos corridos, há partidas que são encaradas como verdadeiras finais. O próximo jogo do Ceará será um destes encontros decisivos. O duelo de amanhã, contra o Vasco, às 18 horas, é o típico "jogo de seis pontos", em que há muita coisa em jogo. Apesar da importância da partida, o técnico Guto Ferreira não poderá contar com peças importantes e terá que superar desfalques relevantes em todos os setores para montar o Alvinegro. Começando pelo sistema defensivo.

Ouça o podcast 'CearáCast'

Powered by RedCircle

No empate em 1 a 1 contra o São Paulo, na última quarta-feira (25), o zagueiro Tiago Pagnussat foi advertido com o terceiro cartão amarelo da série e está suspenso.

Tiago vem sendo titular absoluto no sistema defensivo, ajudando inclusive no ataque. Ele já marcou quatro gols nesta temporada, dois deles em jogos recentes, contra Grêmio e Palmeiras.

Aqui, Guto Ferreira tem dúvidas. Eduardo Brock e Klaus são as duas opções para formar dupla com Luiz Otávio. Klaus, que vinha em bom momento antes de se lesionar, seria a opção mais natural. Até porque também é forte no jogo aéreo ofensivo, também já tendo marcado quatro gols neste ano.

Entretanto, a tendência é que Brock seja o escolhido, levando em conta que ele é quem tem sido relacionado como opção para a defesa. No jogo contra o Tricolor Paulista, Klaus não foi sequer no banco de reservas por opção técnica.

O meio-campo também passará por mudanças. Considerado o "coringa" e peça importantíssima no esquema tático, Fernando Sobral também está suspenso. Apesar de ter atuado boa parte da temporada como ponta pelo lado direito, ele vem jogando mais como volante e, com isso, a tendência natural é que a dupla de volância do Vovô seja formada por Fabinho e Charles, já que William Oliveira ainda está em transição e não pode ser relacionado.

No ataque, Felipe Vizeu não poderá atuar mais uma vez. Ele já foi desfalque no meio de semana, por conta de um estiramento grau 2 no músculo posterior da coxa esquerda, e seguirá de fora. Cléber será o centroavante titular.

Possíveis retornos

Outros jogadores que ficaram de fora da relação da última partida podem voltar a figurar entre as opções para este duelo. É o caso do atacante Saulo Mineiro e do zagueiro Gabriel Lacerda, por exemplo, ambos recuperados da Covid-19.

Outros atletas também podem ficar à disposição, mas possuem situações mais delicadas, como o goleiro Diogo Silva e o meia Felipe Silva, que não ficaram nem no banco no último jogo por opção de Guto, e também do atacante Rick, que estava cumprindo período de transição.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte