Ceará descarta reforços "fora da realidade" e deve anunciar três

Com base mantida, presidente do Ceará rechaça contratar jogadores com altos salários e deve anunciar até amanhã um lateral, um volante e um atacante

Após renovar com vários jogadores que conquistaram a permanência na Séria A, o Ceará segue trabalhando na montagem do elenco para a disputa das quatro competições do ano que vem: Campeonato Cearense, Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série A.

Em entrevista ao Sistema Verdes Mares, o presidente do Alvinegro, Robinson de Castro, informou que mais reforços virão - um lateral-direito, um volante e um centroavante devem ser anunciados até amanhã -, mas todos dentro da realidade do clube, descartando jogadores com salários exorbitantes, ou os chamados "medalhões",

"Quero fazer um time competitivo. Vamos manter uma base forte de jogadores que já me mostraram que têm condição de me ajudar na Série A. E reforçando com qualidade, com responsabilidade. Não adianta fazer o que o Sport fez e não pagar a folha. Caiu feio, com 5 meses de salários atrasados porque não conseguia pagar o elenco. Eu paguei a folha de jogadores sempre antes do dia 30. Nós vamos sempre ter os pés no chão", disse.

Assim, o patamar do elenco alvinegro será semelhante ao desta temporada, com o Vovô permanecendo da Série A com salários em uma faixa equivalente. "Prometemos ao torcedor, jogadores comprometidos e com qualidade no trabalho. Não temos preconceitos com nome, com medalhão, mas não posso contratar um jogador ganhando 400 mil dentro de um elenco que ganha em média 50, 70, 80 mil", analisou.

Três reforços

Robinson deve anunciar ao menos três jogadores até amanhã como reforços. "Um lateral-direito, que era um sonho nosso no ano passado, já está praticamente fechado. O volante que acertamos também queríamos ter trazido naquela parada da Copa. Já o jogador de área deve ser anunciado sexta ou sábado", finalizou o mandatário alvinegro.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte