Basquete Cearense enfrenta Paulistano na abertura do playoff

Partida contra o algoz de outras temporadas será na arena do CFO, em Fortaleza, às 19 horas de hoje. Comissão técnica e jogadores estão confiantes. "A gente tá firme, tá forte mentalmente", diz o técnico Dannyel Russo

Legenda: Basquete Cearense treina para enfrentar o Paulistano, algoz no NBB
Foto: Stephan Eilert/Divulgação

A atual temporada para o único representante nordestino no Novo Basquete Brasil (NBB) tem sido bem dura. Agora, dono do segundo orçamento mais baixo de toda a liga, o Carcará passou por maus bocados nos últimos seis meses. Só venceu oito dos 26 jogos que disputou. Contudo, ainda assim, garantiu a última vaga para os playoffs da competição. Hoje, a partir das 19 horas, na arena do Centro de Formação Olímpica (CFO), em Fortaleza, o time iniciará, praticamente, um novo campeonato. E terá pela frente, mais uma vez, o Paulistano.

Na história da fase eliminatória da competição, o time de São Paulo já foi algoz do Basquete Cearense em três oportunidades: todas as vezes que os clubes se enfrentaram na pós-temporada. Inclusive, a equipe local caiu nas últimas duas edições diante do próprio atual campeão nacional.

"Isso é passado. Estávamos visualizando o Paulistano apenas nessa edição. É um time forte, é o atual campeão brasileiro e bronze da Liga das Américas. Mas a gente tá firme, tá forte mentalmente. E a gente acredita que possa sair com essa vitória", declarou o técnico Dannyel Russo, confiante em um bom resultado em casa na abertura do playoff.

Mudança

Diferente de anos anteriores, essa fase será disputada em uma série de três jogos. Ou seja, quem vencer duas partidas avançará às quartas de final. Como o adversário teve um desempenho melhor na fase de classificação (5º contra 12º), os confrontos 2 e 3 serão disputados em São Paulo. Portanto, nesta sexta-feira, o Basquete Cearense fará a única partida desse duelo em casa.

"Esse formato favorece a equipe que se classificou em uma posição abaixo. Se a gente vencer, joga a responsabilidade para eles. E quem sabe, feche esse playoff diante de um adversário que a gente já está pela garganta há um tempo", completou Russo.

Equipes em quadra

O quinteto inicial do Carcará para este jogo já está definido: Paulinho Boracini, Rashaun, Alex, Felipe Ribeiro e Douglas Kurtz. O time não terá nenhum desfalque em relação ao grupo presente nas últimas rodadas do Novo Basquete Brasil. E ainda vai contar com o retorno do norte-americano Farad Cobb, que se recuperou de uma conjuntivite.

Boracini, que é um dos destaques do time cearense, falou sobre o adversário. "Vamos enfrentar uma equipe que já nos eliminou três vezes e é a atual campeã, mas temos treinado bastante e estamos bem focados para a série", afirmou o jogador.

Já o Paulistano, que também teve uma troca no comando após a última temporada, conta com um time que costuma jogar em transição. O destaque da equipe dirigida por Regis Marrelli é o baixinho armador Yago Mateus, jovem estrela da Seleção Brasileira principal.

"Expectativa é muito grande. Queremos muito estar entre os melhores times e brigar pelas primeiras colocações. Mas para isso, teremos que jogar muito bem. São duas equipes querendo avançar de fase, então será difícil, mas vamos batalhar muito para conseguir", afirmou Yago Mateus, sobre o confronto com o Basquete Cearense.


Categorias Relacionadas