Atlético/GO atropela e aplica segunda derrota do Flamengo na Série A

Time goiano vence por 3 a 0 no estádio Olímpico, em Goiânia

Legenda: Atlético/GO vence na estreia no Brasileirão, após jogo com Corinthians ser adiado
Foto: divulgação / Atlético/GO

Para quem esperava uma goleada do Flamengo nesta quarta-feira (12), se enganou. O time carioca fez mais uma partida apática e foi superado pelo Atlético Goianiense por 3 a 0, no Estádio Olímpico, em Goiânia, pela segunda rodada da Série A do Brasileiro.

Com o resultado, o Fla acumula a segunda derrota no Brasileirão, já que perdeu na estreia para o Atlético/MG. E o revés pressiona o técnico espanhol Domènec Torrent, contratado para substituir o português Jorge Jesus.

Já o Dragão, por outro lado, fez a estreia no torneio - o duelo com o Corinthians foi adiado. O time precisou travar uma batalha com a CBF para escalar o que tem de melhor em campo. Seis jogadores deram positivo para o novo coronavírus, mas o clube conseguiu a liberação de quatro da lista.

Na próxima rodada, o Flamengo visita o Coritiba no sábado (15), às 19h30, no Couto Pereira, em Curitiba. No domingo (16), às 19h, o Atlético/GO recebe o Sport no Olímpico, em Goiânia.

Primeiro tempo

O primeiro tempo foi novamente de um Flamengo sem sintonia. O clube rubro-negro deu espaço para o Atlético criar e ainda foi pouco produtivo ao ataque, algo que praticamente nunca foi visto sob o comando de Jorge Jesus. O fato é que a equipe carioca não se encontrou em campo e foi completamente dominada pelo adversário.

A superioridade transformou em gol aos 15 minutos. Ferrareis recebeu pela esquerda, invadiu a área e deu para Hyuri empurrar para o fundo nas redes. O segundo foi uma pintura. Aos 31, Jorginho passou como quis por Vitinho e acabou batendo de chapa para surpreender o goleiro Diego Alves.

A situação do Flamengo poderia ser ainda pior. Gustavo Ferrareis chegou a fazer o terceiro, mas o árbitro consultou o VAR e o lance acabou sendo anulado. Pelo lado da equipe carioca, apenas uma chance de perigo, esta dos pés de Gabriel. De frente para o gol, o artilheiro chutou a bola para a linha de fundo.

Segundo tempo

Domènec Torrent foi obrigado a mexer no segundo tempo. Ele voltou Rodrigo Caio para o miolo da defesa e colocou Rafinha na vaga de Gustavo Henrique. Pedro foi a aposta na vaga de Vitinho. A primeira boa chance, porém, foi de Gabriel. Ele recebeu em velocidade de Bruno Henrique e chutou para defesa de Jean.

Mas foi o Atlético que chegou ao gol. Aos 15 minutos, em mais uma boa trama do clube goiano, Gustavo Ferrareis recebeu, cortou para o meia e, do meio da rua, chutou no ângulo.

O Flamengo acabou perdendo a cabeça e ficou sem Diego Alves, expulso, após agressão em Matheus Vargas. Mesmo assim, conseguiu chegar uma última vez com Bruno Henrique, que só enalteceu o jogo realizado por Jean, que fez mais uma grande defesa.

Você tem interesse em receber mais conteúdo de esporte?