Após drible, Marcelo Cirino é elogiado pela Fifa e chamado de Messi: "Genial"

Atacante deu a assistência que originou o gol da vitória do Athletico-PR na final da Copa do Brasil

Legenda: O jornal Olé, da Argentina, classificou o lance de Cirino como uma genialidade
Foto: Foto: divulgação

O atacante Marcelo Cirino viveu uma quarta-feira especial com o título da Copa do Brasil conquistado pelo Athletico-PR, em Porto Alegre, com a vitória por 2 a 1 sobre o Internacional. E passará muitos dias comemorando a façanha e curtindo a grande repercussão pelo drible desconcertante que deu no lance que garantiu a taça. Virou febre no Twitter, fez um jornal argentino dizer que a jogada foi "nível Deus" e foi chamado até de Messi.

Na comemoração do título, Marcelo Cirino dava uma entrevista ainda no gramado do Beira-Rio quando um companheiro chegou e o abraçou, dizendo: "É o Messi". Horas depois, o perfil oficial da Fifa no Twitter compartilhou o vídeo e fez uma brincadeira. "Messi, se sua capa de super-herói está perdida, Marcelo Cirino a roubou para enfrentar alguns inimigos".

A Fifa definiu o lance como "uma das assistências de tirar mais o fôlego que você vai ver" e o lance repercutiu também na Argentina. O jornal Olé exaltou o drible dado no início da jogada em Edenilson e Rafael Sóbis. "Marcelo Cirino, é como encerrar uma final nível Deus", disse a publicação, que descreveu o lance como "uma genialidade".

Sorrindo, Cirino tentou explicar como executou a jogada que terminou com o gol de Rony. "A jogada foi inexplicável. Sabia que o jogo estava acabando e tentei levar a bola para o fundo, mas aí dois jogadores vieram e tive que tirar uma carta na manda. (...) Tive que dar um jeito para passar o tempo", afirmou, em declarações à TV Globo.

Você tem interesse em receber mais conteúdo de esporte?