Após decepção no Estadual, Ceará recebe o Coritiba pela Série A

O Ceará vira a página após perder o Campeonato Cearense para o Fortaleza na última quarta-feira e volta a se concentrar na Série A do Brasileiro, precisando vencer o Coritiba no Castelão para evitar aproximação do Z-4

Vina é esperança de gols para o Ceará diante do Coritiba
Legenda: Vina é esperança de gols para o Ceará diante do Coritiba
Foto: Thiago Gadelha

Esquecer a perda de um título para o maior rival não é tarefa fácil, ainda mais com duas derrotas, mas o Ceará terá que virar a página do Campeonato Cearense e retomar o foco em outras competições, como a Série A do Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil. 

A dor da perda ainda é recente, pois o título foi perdido para o Fortaleza na última quarta-feira, mas hoje o Alvinegro tem um jogo de suma importância pela 18ª rodada do 1º turno da Série A do Brasileiro, contra o Coritiba, às 19 horas no Castelão.

Ouça o podcast 'CearáCast'

Powered by RedCircle

A partida é considerada um confronto direto na luta pela permanência na Série A, por isso a vitória alvinegra é imprescindível para que o Vovô ganhe um fôlego e abra uma vantagem confortável para o Z-4. Hoje, o Vovô é o 14º colocado com 19 pontos e tem apenas dois de vantagem para o Athletico/PR, time que abre o Z-4. O adversário de hoje, o Coritiba, está uma posição abaixo do rival paranaense e tem a mesma pontuação dele: 16.

Apesar das duas derrotas para o Fortaleza nas finais do Campeonato Cearense, o momento do Ceará na Série A é bom. É nisso que o Vovô tem que se apegar e manter a sequência que vem tendo. Nos últimos 3 jogos, o Alvinegro empatou com o Athletico/PR na Arena na Baixada em 0 a 0, venceu o Corinthians no Castelão por 2 a 1, e na rodada anterior, empatou com o Fluminense em 2 a 2, em jogo que poderia ter vencido, mas sofreu um gol nos acréscimos.

Ou seja, uma vitória contra o Coxa pode levar o Vozão ao G-10 e se os resultado da rodada ajudarem, abrir 5 pontos para o Z-4. O resultado daria a tranquilidade para o técnico Guto Ferreira continuar um trabalho que vem sendo consistente - o título invicto da Copa do Nordeste é uma prova - e que pode ainda dar mais resultados nas disputas da Série A e Copa do Brasil.

Ao fim da partida contra o Fortaleza, o técnico destacou o volume de jogo e as chances criadas, mas desperdiçadas. “Agora é levantar a cabeça, bola para frente. Acho que o time fez um grande jogo, com muitas alternativas e forte marcação, mas não teve a felicidade de colocar a bola para dentro”, disse Guto.

Alternativas

Para o duelo com o Coritiba, o treinador deve manter a base que vem jogando, exceto pelo zagueiro Tiago Pagnussat que está suspenso pelo 3º cartão amarelo. Além dele, o lateral-direito Samuel Xavier, com dores musculares, ficou de fora das finais do Cearense e ainda é dúvida. Assim, devem jogar Eduardo Brock na zaga, e Eduardo, que volta de suspensão, na lateral-direita.

O clube apresentou ontem o atacante Felipe Vizeu, mas ele não deve fazer sua estreia hoje. Em sua apresentação, o atacante disse precisar de uma semana para estar 100%.

Já o Coritiba, do técnico Jorginho, ex-Ceará, terá 3 desfalques: o volante Hugo Moura, suspenso, além do zagueiro Rodolfo Filemon e o lateral Jonathan, recém recuperados de Covid-19.

Ficha técnica
Ceará x Coritiba
Local: Castelão
Horário: 19h
Árbitro: Felipe Fernandes Lima (MG).
Transmissão: Rádio Verdes Mares, Premiere, Tempo Real do Diário do Nordeste e do ge.globo.com/ce

Ceará: Fernando Prass; Eduardo, Eduardo Brock, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Fabinho, Charles, Vinícius e 
Fernando Sobral; Léo Chú e Rafael Sobis. Técnico: Guto Ferreira.

Coritiba: Wilson; Natanael, Sabino, Nathan Silva e William Matheus; Matheus Galdezani, Matheus Sales, Yan Sasse e Giovanni Augusto; Robson e Rodrigo Muniz. Técnico: Jorginho.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte