Após aval do Governo, Ferroviário se manifesta: "é impossível voltarmos dia 1º de junho"

O Tubarão da Barra cobrou ainda auxílio da Federação Cearense de Futebol no processo de retomada das atividades

Legenda: Ferroviário é líder do Estadual e já está classificado para a semifinal
Foto: Foto: Camila Lima / SVM

Após a liberação do Governo do Estado de que os treinos de clubes profissionais de futebol podem retomar os treinamentos, o Ferroviário se manifestou de forma taxativa, garantindo que é impossível retornar às atividades no dia 1º de junho, segunda-feira.

Em nota divulgada pela assessoria de comunicação, o clube se posiciona sobre o assunto.

"Em face o plano de retomada responsável da economia, recém-divulgado pelo Governo do Estado, informamos que, oficialmente, ainda não nos foi comunicado essa autorização para volta aos treinos. De toda forma, até mesmo pela adequação aos protocolos de segurança, já nos antecipamos que é impossível voltarmos dia 1º de junho".

A assessoria do Tubarão da Barra informou ainda que o clube espera por um posicionamento mais firme da Federação Cearense de Futebol (FCF) para tomar as providências necessárias.

"O presidente Newton Filho tem solicitado/cobrado à FCF um protocolo unificado do futebol cearense para que, a partir dele, portanto, possamos fazer o nosso com as devidas adequações e padrões. Entretanto, ressaltamos, precisaremos de tempo para implantação. Seguimos sem previsão, por enquanto. Continuamos aguardando sinalização da FCF".