Após 14ª rodada, Fortaleza precisa ter aproveitamento melhor que 2021 para escapar do Z-4

Se repetir 2021 nas 24 rodadas finais, Tricolor somará mais 31 pontos, finalizando campeonato com apenas 41 pontos

Jogadores de Atlético-MG e Fortaleza em disputa de bola
Legenda: Fortaleza perdeu de virada para o Atlético-MG no último sábado
Foto: Bruno Cantini/ Atlético-MG

Com mais de 1/3 do Campeonato Brasileiro da Série A disputado, o Fortaleza soma apenas 10 pontos e está na lanterna da competição. O aproveitamento é de só 23% nos primeiros 14 jogos disputados. A derrota para o Atlético-MG, de virada, também representou a oitava derrota do Leão na competição.

Na comparação com a temporada de 2021, que terminou com o Tricolor do Pici classificado para a Libertadores da América 2022 na fase de grupos, o Fortaleza precisa avançar com relação à campanha da equipe de 2021 na Série A a partir da 14ª rodada.

No ano passado, foram 31 pontos somados no restante do certame, que resultou em um aproveitamento de aproximadamente 43%. Foram 8 vitórias, 4 empates e 12 derrotas nas últimas 24 partidas.

Se repetir a campanha realizada, o Tricolor do Pici somaria apenas 41 pontos, total que pode salvar o time do Z-4, como aconteceu em 2020, mas é abaixo da média histórica para permanecer na primeira divisão, que é de cerca de 43 pontos.

Para somar 45 pontos

O número mágico que, na maioria dos anos, representa a manutenção na primeira divisão, os 45 pontos exigem do Fortaleza um aproveitamento de 48%, ou seja, a soma de 35 pontos nos próximos 24 jogos.  Ou seja, o Tricolor precisa somar quase a metade dos pontos disputados daqui para frente.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte