Pedido para reaplicação do Enem 2021 deve ser feito a partir de segunda-feira (29); veja quem pode

De problemas logísticos a sintomas de Covid-19, candidatos podem pedir nova oportunidade nos dias da prova

Pessoas na porta do Enem para apoiar candidatos
Legenda: A reaplicação ocorrerá nos dias 9 e 16 de janeiro de 2022
Foto: Tomaz Silva / Agência Braisl

Candidatos que perderem o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 por problemas de saúde ou logísticos (ver casos abaixo) poderão solicitar a reaplicação da prova a partir da próxima segunda-feira (29)na Página do Participante. O prazo segue até 3 de dezembro próximo. 

A reaplicação ocorrerá nos dias 9 e 16 de janeiro de 2022. A medida vale tanto para quem passou pelas situações enquadradas no último domingo (21) — primeiro dia de Enem — quanto para o próximo dia 28, quando ocorrerá a segunda fase

A oportunidade para fazer a prova ocorrerá na data da aplicação do exame para Pessoas Privadas de Liberdade ou sob medida socioeducativa que inclua privação de liberdade (Enem PPL) 2021 e para os participantes isentos da taxa de inscrição em 2020.

Como solicitar a reaplicação do Enem

A reaplicação deverá ser solicitada na Página do Participante, entre 29 de novembro e 3 de dezembro, junto com a documentação que comprove a condição de saúde do inscrito. São necessários os seguintes documentos e condições:

Quais motivos de saúde dão direito à aplicação

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), tem direito a reaplicação o participante que apresentar sintoma de Covid-19 na semana que antecede o primeiro ou o segundo dia do exame.

Além disso, aqueles que estão alguma das outras doenças infectocontagiosas listadas nos editais do Enem impresso e Digital. São elas:

  • Tuberculose;
  • Coqueluche;
  • Difteria;
  • Doença invasiva por Haemophilus influenza;
  • Doença meningocócica e outras meningites,;
  • Varíola;
  • Influenza humana A e B;
  • Poliomielite por poliovírus selvagem, sarampo, rubéola e varicela.
     

O Inep analisará a documentação comprobatória das condições dos participantes. Quem tiver a documentação aprovada, terá a participação garantida na reaplicação.  

Quais problemas logísticos estão previstos

Os candidatos que perderam a prova por questões logísticas também têm direito a solicitar a reaplicação. Veja quais caso:

  • Falta de energia elétrica;
  • Infiltrações por conta de chuvas;
  • Falhas no computador — no caso do Enem digital, entre outros que prejudiquem a realização das provas. 
     

Candidatos não devem esquecer exigência de máscara

O Enem ocorre em um momento em que a vacinação avança no Brasil e há redução nos casos e no número de mortes por Covid-19. Mesmo assim, segundo especialistas a orientação é manter as medidas de segurança, ainda mais em um exame de grandes proporções como o Enem.

O exame prevê o distanciamento entre as carteiras e a disponibilização de álcool em gel.

O uso de máscara de proteção, cobrindo totalmente nariz e boca, é obrigatório durante todo o período em que o participante permanecer no local de aplicação da prova, sendo permitido retirá-la apenas no momento da identificação, antes de acessar a sala de prova, para beber água e para comer. Quem descumprir a regra, poderá ser eliminado. 

Enem 2021

O Enem 2021 começou a ser aplicado no dia 21 e segue no dia 28 de novembro, tanto na versão impressa quanto na versão digital. No primeiro dia do Enem, os candidatos fizeram as provas de linguagens, ciências humanas e redação. Ao todo, dos 3,1 milhões de inscritos, 74% compareceram ao exame.

No segundo dia, participantes farão as provas de matemática e ciências da natureza. Por conta da pandemia, o exame adotou uma série de medidas de segurança.

O Enem seleciona estudantes para vagas do ensino superior públicas, pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), para bolsas em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni), e serve de parâmetro para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Os resultados também podem ser usados para ingressar em instituições de ensino portuguesas que têm convênio com o Inep.

Telegram

Antes de ir, que tal se atualizar com as notícias mais importantes do dia? Acesse o Telegram do DN e acompanhe o que está acontecendo no Brasil e no mundo com apenas um clique: https://t.me/diario_do_nordeste

Quero receber conteúdos exclusivos do EducaLab

Assuntos Relacionados