Salão de Abril deixa Centro Cultural Banco do Nordeste, após acusação de censura e homofobia

Outros artistas que tinham obras expostas na mostra decidiram retirar os trabalhos do local. Polêmica teve início depois que o banco retirou parte de exposição que celebrava o casamento gay