Professor de sanfona Pedrinho Feitosa partilha saber com crianças e adolescentes

Aos 12 anos, Pedrinho Feitosa teve o seu primeiro encontro com a sanfona. Na casa da família onde foi morar, na cidade de Tauá, teve oportunidade de estudar e também de aprender a tocar o instrumento. Hoje, aos 33, é professor de acordeon em Fortaleza e no interior do Estado. Dessa paixão, nasceu o I Encontro de Orquestras de Sanfonas, que acontece nesta sexta-feira (7)