Quadrilha faturou pelo menos R$ 2 milhões com caça-níqueis

Chefe da organização criminosa foi preso e bens avaliados em R$ 5 milhões, sequestrados, por ordens judiciais. Polícia Civil irá aprofundar investigações sobre esquema criminoso de jogo do bicho que teria o mesmo grupo à frente