Idosa suspeita de manter clínica clandestina de aborto no Ceará deve ficar em prisão domiciliar

A idosa, presa na última sexta-feira (20), negou realizar procedimentos abortivos atualmente