Garçonete grávida relata à Polícia Civil que foi empurrada e xingada por empresário em restaurante

Outra funcionária teria levado tapa no rosto e, mesmo caído, um chute do homem. Defesa do suspeito rebate que relatos são 'versões isoladas'