Após três anos, dois réus são condenados pela morte de motorista em Fortaleza

Waldenísio Nazário Batista Júnior foi condenado a 20 anos, enquanto Antônio Roberto Martins Freitas, a 18 anos de reclusão