Iraniano e policial militar vão a júri popular por homicídio

Conforme denúncia do MPCE, no ano de 2009, Farhad Marzivi e um PM agiram em conjunto para matar um ex-funcionário da Coelce. O empresário estrangeiro também responde por outros crimes de homicídio