Empresária é condenada por assassinato de advogado

O Conselho de Sentença da 2ª Vara do Júri considerou Francisca Elieuda Lima Uchoa culpada pela morte do advogado Antônio Jorge Barros de Lima. O corpo de Jorge foi achado dentro do carro dele em maio de 2010