Paulo César Norões: Parlamento fortalecido