Projeto de excludente de ilicitude é apresentado ao Congresso

O projeto de lei diz que o agente de segurança será isento de punição ou terá sua pena abrandada em casos de legítima defesa ou para "repelir injusta agressão", mesmo que façam o uso da força preventivamente