Bolsonaro fala sobre soltura de Lula e pede para não dar 'munição ao canalha'

Na sexta-feira, a saída da prisão do ex-presidente Lula dividiu opiniões no Palácio do Planalto e foi recebida com silêncio pelo presidente Bolsonaro, que considera o petista seu principal adversário político