Bolsonaro chama manifestantes contra cortes na educação de 'idiotas úteis'

O presidente classificou os protestos como algo "natural" e disse que "a maioria ali (na manifestação) é militante"