Figuras históricas do PT falam em "autocrítica" nos 40 anos da sigla

Tarso Genro, Aloizio Mercadante e Camilo Santana defendem que os erros cometidos pelo Partido dos Trabalhadores, que completa amanhã quatro décadas de criação, sejam alvo de reflexão, sem excluir também os acertos