Promotor do caso Boneca Momo: não abandonem seus filhos na internet

Ministério Público da Bahia notificou Google e WhatsApp sobre vídeos infantis com personagem sinistra