Em blitze contra ataques do PCC, polícia de SP prende 326 pessoas

Equipes de segurança do Estado foram acionadas com o objetivo de evitar ataques em represália à transferência de Marcola e outros 21 líderes da facção para presídios federais