Ao STF, Janot diz que Collor recebeu R$ 26 milhões de propina

A declaração foi dada pelo procurador-geral da República para que o Supremo Tribunal Federal não devolvesse os carros do senador