Executivo, Legislativo e Judiciário devem se entender