Sem reformas, carro da UE vai atropelar o nacional, diz indústria

A indústria automotiva brasileira precisa aproveitar os anos necessários até a aprovação do acordo entre Mercosul e União Europeia para ganhar produtividade e reduzir custos