Intenção de consumo das famílias cresce 2,7% de janeiro para fevereiro

Cenário de inflação baixa e de queda gradual do desemprego tem estimulado o consumo das famílias