Conab prevê que país colherá 50,92 milhões de sacas de café neste ano

O resultado representa uma redução de 17,4% em relação a 2018, apesar da redução, o Brasil permanece como o principal produtor e exportador mundial de café