Ceará perde 4,6 mil postos formais em julho

O resultado foi decorrente de 31.483 admissões e outras 36.160 demissões, culminando em um saldo negativo nunca antes visto no Ceará nos últimos 13 anos