Bolsonaro discute revogar norma que proíbe venda direta de combustível

Bolsonaro defendeu novamente que seja autorizada a venda direta de etanol das usinas para os postos de combustíveis e também de outros derivados do petróleo, pois isso poderia reduzir em cerca de 20 centavos o valor do litro do combustível