Após questionamentos, Avianca pede abrandamento de regras

Às vésperas do leilão que marcará o fim da companhia aérea, na próxima terça-feira (7), insegurança jurídica que marca o processo de recuperação judicial da Avianca pode prejudicar compradores dos ativos da empresa