Frete pode ficar até 4% mais caro