Egídio Serpa: Bandeira da energia inviabiliza indústria