TPI condena ex-guerrilheiro congolês Ntaganda a 30 anos de prisão

Ntaganda cometeu crimes como escravidão sexual e perseguição