Protesto lembra um ano do Occupy Wall Street nos EUA