Inteligência Artificial ajuda empresa a emitir primeiros alertas sobre coronavírus

Empresa canadense BlueDot, que presta serviços a agências governamentais, companhias aéreas e hospitais, desenvolveu algoritmo que monitora textos em 65 idiomas sobre 150 doenças