Hong Kong não "poupará esforços" para acabar com onda de manifestações, diz líder

Carrie Lam disse também que seu governo não irá ceder a exigências de concessões políticas feitas por manifestantes