China lamenta 'interferência flagrante' de Donald Trump em Hong Kong

Trump afirmou que os manifestantes "buscam a democracia" e "a maioria das pessoas quer democracia" em Hong Kong